sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Desejos



Quem fez lista de coisas para fazer em 2015? Nem eu. 


Os amigos amargos dizem: “Mas, se nem consegui cumprir com a que fiz para 2014! Eu não cumpri porque também não fiz lista nenhuma para 2014. 


Eu, por exemplo, queria ter feito uma atualização por dia no meu blog em 2014 e fiz, basicamente, uma por mês.


Na verdade nunca gostei de listas para as coisas. Dava-me certa ansiedade ficar olhando para aquele monte de tarefas e os dias passando e nem tudo saía como esperado, fazendo que eu tivesse que mudar outros desejos que estavam mais pra frente... isso me deixava um pouco irritada. 


Já faz parte de mim a mania  de controlar tudo(tive que aprender a controlar isso também) e essas tarefas atrasadas, mudanças de planos, me deixavam com a sensação de incapacidade e bem frustrada. Deixar de fazer algumas tarefas ou mudar outras passou a ser quase um teste de auto estima. E claro que tive que controlar isso também. Rsrsrsrs...


Depois que me dei conta disso, desisti de fazer listas para o ano todo e vou me propondo a fazer coisas dia a dia, semana a semana, mês a mês, dependendo da necessidade ou da “querência”.


Vem funcionando até agora. Bastante bem, por sinal. 


Entendi que, assim como a alegria e a tristeza, os sonhos e decepções são mais fáceis de administrar quando vem em pequenas doses. 


Para fugir desta regra, só mesmo o amor. Se vier em riacho manso ou cascatas, vai chegar do mesmo jeito, sem pedir licença, se instaurar e ficar ali fazendo festas todos os dias na nossa cabeça e no nosso coração. E a gente vai gostar, até demais, dessa bagunça toda. 







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cuéntame.